Rôto

Rasgo minhas vestes
Como se fossem

Podre coisa

Mas pouco

Importa o 

Que é feito fora 

Se maltrapilho 

É o que vai dentro.
Rôto

Cambaleio

Amoral

Insano
Largo-me 

Ao largo

De mim mesmo
Esperando o

Trem da minha

Vida
Abreviar a 

Angústia 

De findar

O infinito
Padecer 

De dor.