Reborn

​Reborn
Tenho tentado

Uma nova versão

De mim.
Nos menores detalhes

Em pequenos sorrisos
Em quase imperceptíveis

Renúncias
Eu tenho ousado mudar.
Eu me reinvento

Me procuro
Numa versão melhor
Por mais que me doa

Por mais que me fira
Devo trocar de pele

Trocar o sapato 
Que não me serve mais
Ao longo de séculos

E milênios
A busca incessante 

Me consome
Mas hoje eu quero

Apenas parar
Contemplar o que fui até aqui

Voltar a sorrir.
Mais leve

Mais calmo

Mais pleno
Quero me deixar 

Sossegar.